sábado, 23 de julho de 2016

A Moça que Lia Romances Água com Açúcar - Por Marcelino Rodriguez


Eu tive uma namorada assim, que lia romances água com açúcar, desses de bancas de jornais, tipo Sabrina. Eu brincava com ela, meio ironizando, mas no fundo sentia uma ternura de ela ler aquilo.


Saudades de existir gente como ela, que leem romances água com açúcar.
Lembrei dela porque, cansado da realidade, peguei um romance água com açúcar para ler.


Estou num veleiro, num barco, e a esposa falecida do marinheiro fazia-lhe poemas de amor.


Ah, deixem-me aqui, a navegar, por favor !



Marcelino Rodriguez é colunista fixo do Blog Luiz Domingues 2. Escritor de vasta e consagrada obra, aqui nos traz uma micro crônica, homônima ao seu seu livro mais recente lançado no mercado literário brasileiro.

2 comentários:

  1. Nao li , mas vou ler já que é recomendado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antes de mais nada, agradeço-lhe por visitar meu Blog 2 e prestigiar meu colunista, Marcelino.

      Neste seu último livro, Marcelino quis homenagear os autores românticos que são geralmente subestimados pelos críticos literários, situação semelhante a dos autores de romances policiais, que padecem do mesmo tipo de preconceito.

      Bacana, Peteca !! Muito grato pelo seu apoio e quando puder, leia sim, que o Marcelino é um autor que vale a pena ser apreciado.

      Excluir