quinta-feira, 2 de abril de 2015

Autobiografia na Música A Chave do Sol - Capítulo 246 - Por Luiz Domingues


Seguindo com as principais matérias sobre o EP...

Na Revista Roll, nº 22, uma nota saiu dessa forma :

"Chave de Ouro
 

O grupo paulista A Chave do Sol ( Rubens Gióia, guitarra; Fran, vocais; Luiz Domingues, baixo e Zé Luis, bateria), acaba de lançar um LP pela Baratos Afins. O som da banda é definido por eles mesmos como "Jazz-Metal-Rock" (de muita qualidade, aliás) e eles já possuem um fã-clube com mais de 200 sócios. Bola cheia".

Interessante darem ênfase ao fato de que tínhamos um fã-clube organizado e em franca expansão.

E por falar em Revista Roll, preciso mencionar um fato extra, nada a ver como disco que acabáramos de lançar. Uma enquete foi publicada e comemoramos muito o fato de termos sido mencionados.

Foi publicada na edição de nº 19, quando notamos que estávamos mencionados em igualdade de condições (empatados na 24ª posição) pelos leitores ao lado de nomes como Elis Regina; Ivan Lins; Ira; 14-Bis; Marina; Roupa Nova; Titãs; Eduardo Dusek; Plebe Rude, e Ritchie. Ou seja, nomes consagrados e inclusive, até em alguns casos, artistas oitentistas na crista da onda.

E na frente de muitos nomes que tiveram cotação bem menor do que a nossa, naquele meio de 1985, como : Ratos de Porão; RPM, e Sempre Livre, entre outros tantos que supostamente tinham muito maior visibilidade de mídia. O RPM então, foi muito sintomático, pois essa pesquisa foi feita na metade de 1985, e não passou nem dois meses, eles explodiram numa super exposição midiática, alçando-os à condição de mega estrelato. 


Moral da história : com esquema de empresários bem amarrado e super exposição na mídia, tudo muda da água para o vinho...

Mas comemoramos, pois estarmos colocados em 24º lugar, num ranking com mais de 100 artistas, e em sua maioria, "tubarões do mainstream", sem ter esquema algum, no nosso caso, era digno de nota e orgulho para nós.


Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário