sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Autobiografia na Música - Pitbulls on Crack - Capítulo 34 - Por Luiz Domingues

Marcaram enfim o início da nossa produção do vídeoclip para os primeiros dias de fevereiro de 1994. Ficou acertado que usaríamos como set de filmagens, um dos galpões do antigo matadouro da Lapa, bairro na zona oeste de São Paulo. Claro, aquilo foi matadouro até os anos vinte, talvez início dos trinta, mas já há muitos anos vinha sendo usado pela prefeitura como sede da Subprefeitura do bairro da Lapa.

A ideia do clip era bem simples : a banda tocando no galpão vazio, mesclando-se à algumas cenas de trens suburbanos passando (aproveitaram o fato de passar uma linha bem ali atrás dos enormes galpões da Subprefeitura), e algumas cenas filmadas de uma garota dançando ao luar, focando na letra da música em questão : "Under the Light of the Moon". Filmamos no início de fevereiro de 1994, sob forte calor. Foram poucos "takes", e com o diretor aproveitando muitas vezes a passagem dos trens suburbanos que dava para avistar dos janelões do velho galpão. Nessa filmagem, usei como instrumento o baixo Precision sunburst (um "genérico" de Fender, construído por um Luthier), do meu amigo José Reis, curiosamente, hoje ele pertence-me.


Eis abaixo o link para assistir o Clip no You Tube.  https://www.youtube.com/watch?v=Pw946pVBYSQ

Cabe explicar que trata-se de uma cópia de VHS digitalizada e desconheço que uma cópia melhor esteja disponibilizada no You Tube, ou outro portal de imagens. As cenas da garota dançando, foram feitas alguns dias depois num estúdio fotográfico, e usando o Chroma Key, onde inseriram as imagens da Lua. Os takes do solo do Deca, também foram filmados nesse mesmo estúdio, e só ele acompanhou a filmagem da garota. Sinceramente não lembro-me do nome dela (desconfio ser Sofia), mas soube que fora contratada junto à agência Ford Models, e que o cachet cobrado da gravadora, fora de U$ 800,00.

O Deca foi filmado girando num minúsculo pedestal e ao final, quebra uma guitarra (ele usou uma carcaça arruinada de uma guitarra handmade). O clip tem fotografia preto e branco em 95 % do tempo e algumas inserções coloridas (quando a guitarra do Deca é estraçalhada, quebra-se um espelho e a garota aparece então em cores, destacando-se seus olhos azuis). O diretor do clip foi David Brazil, e não recordo-me do nome do diretor de fotografia, tampouco outros membros da produção. Como curiosidade, só o fato de que a gravadora bancou tudo, menos a refeição... a banda teve que bancar o almoço da equipe inteira de filmagem. Não dá para vencer todas...
Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário