terça-feira, 22 de julho de 2014

Autobiografia na Música - A Chave do Sol - Capítulo 151 - Por Luiz Domingues


Desta vez, não fui chamado para ser o "bombeiro", mas o Carlos Muniz Ventura me ligou para contar-me que naquela hora (cerca de 13:00 h), estava tudo bem, mas quase acontecera uma tragédia, horas antes.

Segundo Carlos, ele fora acordado por volta das 8:00 h da manhã, com o Chico Dias berrando, desesperado. Aos gritos, ele dizia : -"Minha mina morreu..." 


Transtornado com essa informação chocante, o Carlos foi imediatamente ao hotel, socorrer o casal. Mas nessa altura, alguém do hotel já havia solicitado uma ambulância.

O Carlos chegou quase simultaneamente ao resgate e aliviado, descobriu que a moça estava viva, embora desmaiada.

Levada imediatamente para o Hospital das Clínicas, foi diagnosticado o seu desmaio como reação do organismo por falta de insulina, visto que ele era diabética e naquele stress todo do final de semana tumultuado, esquecera-se de injetar sua insulina diária.

Tremendo de um susto !!!

Ela ficou internada por mais um dia e teve que trocar a passagem de volta para o sul, mas nem de longe, foi o pior problema que enfrentou naquele final de semana dantesco.

O Chico Dias que era carrancudo e pessimista por natureza, depois desse evento todo, piorou...

E a vinda de sua namorada que tinha o objetivo de promover a sua autoestima, mas no "conjunto da obra", acabou tendo efeito inverso !! 


O melhor remédio dali em diante, seria mesmo tentar esquecer tudo, e seguir em frente nos nossos planos.

Pensando em física quântica, teria bastado cancelar o show da Tífon, assim que soubemos que teríamos que alugar um P.A. por nossa conta.

Nossa insistência em fazer um show numa casa que sabíamos ser hostil e pior, correndo alto risco financeiro, foi uma sandice.

Talvez, se tivéssemos de fato cancelado, não houvesse a ideia do Chico Dias, de trazer sua namorada. 


No campo das infinitas variantes que precipitam-se à cada peça que mexemos no tabuleiro de xadrez, é fascinante verificar que tudo poderia ser diferente...

Bem, a vida seguiu, apesar desse final de semana de derrotas múltiplas...



Continua...

2 comentários:

  1. Baita susto, a guria podia ter ido dessa para melhor.
    Realmente vocês tiveram sinais de que as coisas não iriam ser conforme deveriam desde o início.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os sinais eram evidentes, mas não compramos a ideia da prudência por uma motivação tola, que era a de ter disparado o mailing. Teria sido chato cancelar e não avisar os fãs que se dispuseram a ir, certamente, mas teria nos evitado um mal pior. Não sei o que foi pior : o prejuízo financeiro ou a sessão de humilhação a que fomos submetidos por aqueles cretinos prepotentes.

      E o susto com a guria foi a cereja do bolo, certamente ! Um final de semana para entrar na história da banda, mas negativamente, como você leu...

      Excluir