quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Autobiografia na Música - A Chave do Sol - Capítulo 77 - Por Luiz Domingues



Ainda falando sobre a gravadora Copacabana, estávamos bem ressabiados, pois além de "pegar mal" para nós, ainda era um tempo onde gravadoras eram corporações que manipulavam o artista em 100%, interferindo em todo o conteúdo artístico, visual, áudio, estratégia etc etc. 

Seria vender a alma ao demônio, sem garantias de êxito assegurado e ainda pior, com a perspectiva de entrar num mundo brega, sem possibilidade de volta. 

Portanto, a negativa dos executivos de tal corporação foi até um alívio estratégico, mesmo levando em conta toda a boa vontade do pai do Rubens em nos ajudar naquele momento. 

E de fato, o Dr. Rafael, era uma pessoa sensacional, e sempre disposto a nos auxiliar. 

Mas logo a seguir, surgiu uma nova oportunidade.

O Rolando Castello Júnior, baterista da Patrulha do Espaço, nos deu o toque sobre um dono de uma loja de discos no centro de São Paulo, que estava com um pequeno selo independente, lançando muitos artistas novos, e outros não tão novos assim. 

Esse rapaz era Luiz Carlos Calanca, e sua loja estabelecida numa Galeria da Av. São João, se chamava "Baratos Afins".

Note que o conceito de "Galeria do Rock" ainda não existia em 1983, embora o Luiz não estivesse sozinho naquela época, pois já existiam outras lojas de discos se estabelecendo no local. 

E quando fomos conversar com ele, além do Júnior da Patrulha do Espaço ter feito a nossa propaganda, estávamos colhendo os primeiros frutos da repercussão de nossa primeira aparição no programa "A Fábrica do Som", portanto, ele já sabia quem éramos, pois uma coisa o Calanca sempre foi : antenado. 

A primeira conversa foi excelente, mas não definiu nada. Ele estava envolvido com recentes lançamentos e dizia não ter como nos colocar em estúdio imediatamente, exatamente por estar gravando outros artistas, e portanto descapitalizado. 

Mas num curto espaço de tempo, uma solução conciliadora surgiu, e viabilizou a nossa parceria com a Baratos Afins, que relatarei em breve.


Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário