sábado, 7 de dezembro de 2013

Autobiografia na Música - Terra no Asfalto - Capítulo 51 - Por Luiz Domingues


No final de agosto de 1981, o Aru voltou dos Estados Unidos, e com mala & cuia, trazendo toda a sua mobília que havia deixado na América, onde morava com sua namorada americana.
Na foto, eu com meu querido Fender Jazz Bass, num show da Chave do Sol, em 1988.

Lembro-me do dia em que chegou, quando trouxe o meu primeiro baixo "bom", meu Fender Jazz Bass, na bagagem. 

Essa camaradagem dele em me trazer esse instrumento, merece minha gratidão eterna.

E conhecemos enfim sua namorada, a americana Mary Ellen, que mostrou-se logo de cara, simpática e esforçadissima para aprender o idioma português o mais rápido possível, e reconheço, para americanos e britânicos é muito difícil, pois mal conseguem diferenciar a nossa língua do castellaño. 

Fizemos alguns ensaios para tirar a ferrugem, e a volta foi numa casa nova, denominada "Beatles 4 Ever", localizada no bairro do Tatuapé, zona leste de São Paulo.

Sem a presença de Sérgio Henriques que estava excursionando novamente com Elis Regina. Mas o quinteto mais estável da carreira da banda foi para o palco com Aru; Wilson; Paulo Eugênio; Cido Trindade, e eu.

Um bom público compareceu à casa, com 200 pessoas aproximadamente, nesse dia 5 de setembro de 1981.


E na semana seguinte, estávamos de volta ao Casablanca, com 450 pessoas presentes na noite de 11 de setembro de 1981, exatos 20 anos antes do atentado às torres gêmeas... 

Quem pensaria nisso naquela noite de 1981, no Casablanca ? 

Nesse dia, ocorreu uma história inusitada com a namorada de um dos nossos companheiros. 

Num dado momento em que tocávamos, um playboy a agarrou e tascou-lhe um beijo. Só eu da banda vi isso enquanto tocávamos, ainda bem, pois poderia virar um tumulto se o namorado tivesse visto essa cena. Como notei que ela não contou ao namorado no intervalo, fiquei na minha.

Dois dias depois (13 de setembro de 1981), voltamos ao Beatles 4 Ever e dessa vez o público foi muito fraco : Apenas 25 pagantes.

Continua... 

Nenhum comentário:

Postar um comentário